Uma páscoa vegetariana com alfarroba!

Este está sendo meu primeiro ano realmente vegetariana, a única coisa que eu ainda como de origem animal é a clara dos ovos, então, além do velho drama do glúten, cada reunião de família pede um pouquinho de criatividade porque não quero comer o de sempre quando todo mundo está comento uma refeição especial em volta de mim.

Enfim, na páscoa normalmente minha família come peixe então, é o único feriado em que a família se reúne que não obrigatoriamente tem carne vermelha, mas, este ano teve! Mas tudo bem, porque eu não comi! Mas além do almoço em famíllia, também tem a questão do ovo, do chocolate e por mais que ano passado já tenha ganhado um ovo como o que ganhei este ano (já já vou falar mais dele), ganhei outras coisas com leite e esta vez não, até porque o meu corpo não está podendo mais com leite de origem animal. Esta foi uma páscoa totalmente sem carme e leite, e se não fosse pela clara de um ovo na massa de panqueca, seria uma dieta vegetariana estrita e estou muito orgulhosa disso.

Por conta disso do leite, do glúten e várias outras pequenas complicações, o único “chocolate” que ganhei, na verdade, não é chocolate, é alfarroba! O que é alfarroba? É esta plantinha aqui:

Acredite se quiser, ela tem gostinho de cacau já adocicado, ou seja, vira tipo um chocolate bem mais saudável, isso por não precisar de adição de açúcar e pelo produto final ter uma infinidade menos de gordura! Na verdade, alfarroba é bem conhecida como o chocolate saudável! E ah, não contém glúten!

Não sei vocês sabem disso, mas a maioria dos chocolates que a gente come aqui no Brasil é o que seria considerado de má qualidade, já cansei de ver isso em sei lá quantas reportagens, sites e trombei com esta informação mais uma vez enquanto pesquisava mais sobre alfarroba. A má qualidade é porque ele tem muito açúcar e gordura (todo mundo sabe como essas duas coisas são ruins pra nossa saúde), mas além disso, também tem pouca manteiga de cacau. Já ouvi quem dizia que o que chamamos de chocolate por aqui, nem chocolate é. Bizarro isso, não é?

Não ache que alfarroba é ruim por ser saudável não, porque eu – de verdade – prefiro muito mais alfarroba do que chocolate preto comum ao leite (aqueles de barra).

Mas não se engane, ele é calórico, mas faz bem pro corpo. Isso porque ao contrário do que a gente pensa, essas duas coisas (ser saudável e calorias) não estão totalmente ligadas. De acordo com o site rotasaudavel.com estas são algumas das suas vantagens pra gente:

  • Auxilia na diabetes por ter baixo índice glicêmico;
  • Ajuda metabolizar gordura, proteína e carboidrato pela presença rica das vitaminas B1 e B2;
  • Rica em Vitamina A, cálcio e magnésio;
  • Combate os radicais livres e envelhecimento pela presença dos antioxidantes polifenóis (o mesmo presente no cacau);
  • Não contém glúten, lactose e cafeína;
  • Melhora a digestão e reduz colesterol;
  • Pode ser consumido por pessoas com hipertensão.

Quero dizer, é bem melhor! Só vejo vantagem.

Este ano foi realmente diferente e sinceramente, fico toda boba de pensar que esta páscoa foi “estranha” mas daqui alguns anos, várias vão ter passado e isso tudo vai ter se tornado normal. Afinal, tão bom fazer o que nos faz sentir bem, física e emocionalmente. Não é nem pelo lado religioso porque eu sou uma pessoa meio confusa religiosamente falando, mas eu tenho uma vibe de novas fases com a páscoa (até porque ano novo é só nervoso acalmando as minhas cachorrinhas) então passar ela assim, foi como ditar como vai ser o meu futuro e ele é aparentemente, bem mais saudável e sem animais. Como foi a páscoa de vocês? Vegana, vegetariana, cheia de carne, com muito peixe e principalmente, boa ou ruim?


Você já me segue no Instagram? Lá eu aviso quando saí post novo, além de postar tutoriais nos stories e muitas fotos! Ah, fala comigo pela dm, juro que sou legal!

J.D


Siga o blog e saiba antes de todo mundo que tem post novo no Lua de Vênus.
siga no BLOGLOVIN +  ou  + siga no BLOGS BRASIL +

twitter – tumblr – fanpage – instagram

Deixe uma resposta