Músicos famosos fazendo covers de outros famosos!

Como escuto música o dia todo, eu “enjoo” dela muito rápido. Não da música em si, mas parece que eu quero mudar as coisas um pouco mas ainda não me desapeguei dela o suficiente para seguir em frente. A solução perfeita para isso é: cover.

Foi em uma dessas que eu trombei com Harry Styles cantando uma música da Rihanna (na verdade, do DJ Khaled e do Bryson Tiller também). É que afinal, para melhorar um cover é só quando um artista que você curte regrava a música de outro artista que você curte.

Este post é exatamente sobre isso, para jogar para o mundo algumas das vezes em que músicos que eu adoro fizeram algum cover de alguma música de outros músicos que eu também adoro. Confuso? Talvez, mas eu juro que faz completo sentido.


Essa  música é uma daquelas que vive naquele limbo entre desconhecida e extremamente amada por um grupo de pessoas (no qual eu estou inclusa). Estou falando de Skinny Love, no caso, gravada por um na época ainda desconhecido (apesar de que eu já conhecia ele fazia mais de ano) Ed Sheeran.

Se você não conhecia essa música, fica a dica de ouvir a original também. São duas versões lindas.


Green Day é a minha banda favorita (como eu não canso de repetir e constantemente reafirmar). O que eles tocam é ouro e aqueles três, bom, eles são de ouro.

Eu conheci essa música já pelo Green Day, fui descobrir que ela na verdade não era deles alguns anos depois. Sinceramente, prefiro a versão do Green Day então realmente indico que vocês escutem, mas não considerem isso uma crítica a original, é simplesmente gosto.

Uma banda da qual não canso de falar é do Never Shout Never. Não sei o porque, mas me sinto como a encarregada de mostrar a evolução deles, de acabar com o que as pessoas simplesmente deduzem que seja NSN, que se resume basicamente em músicas muito fofas como Can’t Stand It. Eles são fodas, o Christofer é foda.

Para a minha total alegria, eles vão lançar um álbum inteiro de covers (claramente, meu sonho), alguns deles já estão no Youtube esses são 3 dos meus favoritos que na verdade, são 3 músicas que eu gosto muito das versões originais. Tanto que 2 dessas músicas foram as 2 primeiras que aprendi a tocar no violão na minha vida.  

O que eu gosto de quando NSN faz algum cover é que eles não tentam imitar (até porque para isso já temos o original), eles fazem a música do jeito deles, com um toque típico do Christofer que adiciona na música essa coisa – seja o que for – que me agrada tanto nas músicas deles, além de é claro, a voz do Christofer que é uma das coisas mais calmantes do mundo para mim.

De todos os que estão aqui, talvez Never Shout Never seja o mais desconhecido, mas ouve uma época, lá por 2008 (com certeza, uma das minhas épocas favoritas quando vamos falar de música porque a maioria das bandas/músicas que eu mais gosto são dessa época) que uma música deles estourou bastante aqui na minha terra Curitiba e de tempo em tempo, sempre encontro alguém escutando NSN o que gera uma conversa enorme de comprida cheia de ataques de fã e saudade.


Quando o quesito são bandas favoritas, o Twenty One Pilots está já atrás do Green Day (o meu eterno primeiro lugar), então quando eles lançaram um cover de uma música do My Chemical Romance que eu já gostava (e muito), eu criei expectativas altíssimas sobre o resultado que viria disso, as quais foram atingidas e esmagadas.

Não sei dizer qual versão eu prefiro, a original ou essa, mas acho as duas dignas de serem exaltadas o máximo possível por aqui.  

Já que falamos de Twenty One Pilots, vou seguir para o cover obvio que qualquer fã desses 2 vai conhecer e mesmo que não seja fã, sinceramente, você no mínimo vai achar o final do vídeo emocionante, então, assista até o final. 


Assim como o Never Shout Never faz, essa música mudou muito no cover e eu, adorei. Sinceramente, nunca imaginei Harry Styles (ainda mais na versão carreira solo) e essa música juntos, parecem dois mundos completamente diferentes. Quero dizer, é só olhar a letra e observar o terno florido, de alguma maneira não parece funcionar ou ter o mínimo nexo. O fato é que – de alguma maneira – deu muito certo e eu me apaixonei mais uma vez por Harry Styles. 


Quase todo post do blog tem começado com o agora clássico “se você me segue no Instagram e assiste meus stories, então viu que…” mas é verdade. Tudo o que vem pro blog começou de alguma ideia que veio pra mim no meio do dia e se ela veio no meio dia, o primeiro lugar que ela vai parar é lá nos stories mesmo. Inclusive, falei de 2 desses covers nos stories dia 3 de maio por lá! Me segurei muito para não começar assim, juro.

Então só me resta dizer para me seguir por lá e aproveitar todas essas músicas de outros músicos sendo interpretadas por outros músicos. Ficou confuso, mas fez perfeito sentido ao mesmo tempo. 


Você já me segue no Instagram? Lá eu aviso quando saí post novo, além de postar tutoriais nos stories e muitas fotos! Ah, fala comigo pela dm, juro que sou legal!

J.D


Siga o blog e saiba antes de todo mundo que tem post novo no Lua de Vênus.
siga no BLOGLOVIN +  ou  + siga no BLOGS BRASIL +



Deixe uma resposta