Os 5 melhores conselhos que eu posso dar!

Admito que sempre achei (e continuo achando) esses posts com texto meio auto-ajuda breguinhas, porém que eles ajudam nas horas da tristeza isso sim. Então esses posts são válidos e úteis. No final das contas eu amo ter um blog para falar com as pessoas e de um jeito ou de outro ajudar as pessoas, bom, eu queria ter ouvido esses conselhos antes na vida, ou quem sabe, ter seguido esses conselhos mais cedo.

  1. Não crie expectativas. É sério, estou falando sobre tudo, desde o mais básico e cotidiano até o mais complicado. Não vale a pena. Sério, pode ser um filme que você tinha expectativas altíssimas e sai do cinema frustrada/bolada/triste/chatiada ou sobre um dia, um momento, uma pessoa, uma amizade, seja o que for. Não vale a pena. Deixe as coisas acontecerem tranquilamente que eu te garanto que quando algo te surpreender vai ser maravilhoso e olha…posso te dizer que também é mara não se decepcionar com as coisas.

  2. “Apenas lembre que as vezes, o modo com que você pensa sobre uma pessoa não é quem ela realmente é.”

    As pessoas são apenas outras pessoas, simples assim. Como aprendemos em Cidades de Papel (um dos meus livros favoritos e foi daí que veio o nome de uma das minhas cachorrinhas, a Margo), as pessoas são apenas outras pessoas, todas com seus defeitos, dilemas, tristezas, duvidas, complicações, as vezes as pessoas vão falar besteira sem querer, as vezes nós vamos falhar miseravelmente, as vezes nem tudo é tão empolgante, as vezes as pessoas nos decepcionam, as vezes a vida nos sacaneia e podemos ficar triste, afinal, somos todos apenas humanos e como falam nesse mesmo livro que eu já comentei aqui em cima, somos todos mais feios de perto, sem excessão.

    As vezes as pessoas só são boas em esconder os problemas na vida delas, afinal, ninguém precisa colocar toda a sua vida em um outdoor né? Ah, e de bônus, quando entendemos que as pessoas são apenas pessoas a gente acaba conseguindo ter mais paciência com os outros e com nós mesmos. Não superestime os outros e se subestime.


  3. Se jogue na vida com um sorriso verdadeiro no rosto. Não precisa sair fazendo loucuras e besteiras abestado, mas leve as coisas da vida de um modo mais leve e no bom humor. Para que se estressar com o carro que furou o sinal? Ou com aquela pessoa que demora para responder as mensagens? Para que gastar seu precioso pensamento, tempo, vida e coração com algo que não vai te levar para lugar nenhum fora o fundo do poço? Deixe o cara que furou o sinal vermelho ir embora rindo do trouxa que vai levar uma multa, as vezes as pessoas só se esqueceram de responder, as vezes a vida só está te zoando um pouquinho e você precisa zoar junto!

  4. Não dependa emocionalmente de ninguém! Essa é bem sério, mesmo, é algo muito importante e eu quero que todos vocês entendam: sua felicidade só deve depender de você mesmo, não precise de ninguém mais para se divertir, para rir, sorrir, se acalmar, afinal, se a gente não quer depender fisicamente dos outros porque a emoção deve ser diferente? É sério, aprenda a ser seu próprio suporte e se liberte.Leia, escute música, ache como se equilibrar sem ajuda de outra pessoa, isso facilita a vida demais e ajuda muito nas crises. Seja feliz mesmo sozinho. Mas lembre-se, isso não significa que não deve procurar ajuda profissional caso precise hein!

  5. Tire um tempo para você. “Mas eu tenho tanta coisa para fazer!” É serio, se você não estiver bem tudo o que você tem para fazer vai ficar um pouco mais complicado. Deite e escute música alta, coloque os fones de ouvido e viaje, assista um filminho besta só para animar, leia seu livro favorito pela milésima vez, mas use esse tempo com algo que te faça bem, mas muuuuuito bem mesmo. Acredite, você vai ficar mais produtivo e vai valer a pena no final das contas. Manda um beijinho e um abraço para o mundo e vai passar um tempinho só com você mesmo!

Espero que ajude quem precisar e que quem gosta desses posts mais fofos goste dos meus 5 conselhos porque eu garanto que é útil e que são os melhores que eu tenho. Realmente faço esse tipo de post de coração.

Mas quero pedir uma coisa, comentem aqui em baixo o melhor conselho que vocês podem dar! Vou amar ler! Ah, é claro, compartilhe o post com os amigos que precisam daquele apoio nesse momento e nas suas redes sociais para quem precisar conseguir ver esse post e esses 5 conselhos que vieram do fundo do meu coração.

(J.D)


Siga o blog e saiba antes de todo mundo que tem post novo no Lua de Vênus.
siga no BLOGLOVIN +  ou  + siga no BLOGS BRASIL +

twittertumblrfanpage instagram

2 Comment

  1. Melhor post de conselhos, ever!
    Eu era o tipo de amiga conselheira há alguns anos, mas tudo foi mudando e meio que deixei de cuidar dos outros e, consequentemente, de mim mesma, já que eu sempre procurava seguir os meus conselhos. Isso me afetou demais e só recentemente é que eu realmente percebi isso 😞
    Espero conseguir retomar aquele “eu” do passado e voltar a ser a amiga dos conselhos.

    Acabei de chegar aqui mas já tô apaixonada. Adorei suas respostas!
    Me identifiquei muito com as suas respostas, principalmente no quesito “preciso aumentar a minha média mesmo ela já estando alta” hahaha

    Abraço,
    milenaschabat.blogspot.com

    1. Juliana D'Ornellas says: Reply

      Aaaah que maravilhaaaaa ler isso!
      Admito que antigamente eu era bem mais a amiga dos conselhos também e acabei fazer a mesma coisa que você! Mas eu já voltei para o cargo de conselheira e espero que você também volte logo afinal, sei lá, acaba fazendo bem para nós mesmos aconselhar os amigos! Foco nos conselhos que eu sei que você vai voltar a ser quem você era antes e até ser uma pessoa melhor ainda! <3
      Fico feliz demais mesmo em ler isso, te juro! <3 Dedico tanto tempo para esse blog que é bom saber que as pessoas gostam e se identificam com as minhas loucuras hahaha!

Leave a Reply